Abrir menu principal
Looney reward poster.jpg

Recompensa é um prêmio (prémio) ou remuneração, para demonstrar gratidão ou apreço para outrem, ou forma de reconhecimento de quem foi-lhe útil.


  • "A recompensa de uma coisa bem feita é tê-la feito".
- The reward of a thing well done, is to have done it.
- Essays, by ralph waldo emerson‎ - Página 294, de Ralph Waldo Emerson - Publicado por Forgotten Books, 1906, ISBN 1605069744, 9781605069746
  • "A maior recompensa do ser humano é que, enquanto os animais sobrevivem ajustando-se ao meio em que vivem, o homem sobrevive ajustando a si próprio."
- Man’s unique reward, however, is that while animals survive by adjusting themselves to their background, man survives by adjusting his background to himself.
- For the New Intellectual: The Philosophy of Ayn Rand‎ - Página 15, de Ayn Rand - Publicado por Signet, 1961, ISBN 0451163087, 9780451163080 - 192 páginas
- Le monde récompense plus souvent les apparences du mérite que le mérite même
- "Reflexions ou Sentences et Maximes Morales - CLXVI" in: "Œuvres de La Rochefoucauld : Notice biographique. Portrait du duc de La Rochefoucauld fait par lui-même. (1659) Portrait du cardinal de Retz par La Rochefoucauld. (1675) Réflexions ou Sentences et maximes morales. Réflexions diverses. Appendices. Appendice du tome premier." - Tome I, Página 98, de François La Rochefoucauld, Jean Désiré Louis Gilbert, Jules Gourdault, Henri de Régnier - Publicado por L. Hachette et cie., 1868
  • "Minha posição a respeito de Deus é a de um agnóstico. Estou convencido de que uma consciência vívida da importância primária de princípios morais para a melhoria e o enobrecimento da vida não precisa da idéia de um legislador, especialmente um legislador que trabalha na base da recompensa e da punição."
- Albert Einstein in: Carta a M. Berkowitz, 25 de Outubro de 1950, disponível no Einstein Archive 59–215. Citada em The New Quotable Einstein (2000), de Alice Calaprice. Princeton, New Jersey: Princeton University Press, p. 216.
  • "A recompensa da virtude é a própria virtude e o castigo reservado à desrazão e ao abandono de si, é precisamente a desrazão. (...) Mas creio ver em que atoleiro esse homem [Velthuysen] afundou. Ele não encontra nada que lhe apraza na virtude mesma e no conhecimento, e gostaria mais de viver se abandonando às suas paixões, não temesse ele o castigo. Ele se abstém dos maus atos forçando-se a si mesmo e com uma alma hesitante, como um escravo, e espera que Deus pagará sua servidão com um preço que a seus olhos vale muito mais do que o amor de Deus: tanto mais caro quanto mais aversão ele tem ao bem e se coage mais. É por isso que ele crê que todos aqueles que o temor não retém vivam sem freio e rejeitem toda religião."
- Spinoza in: carta 43 - correspondência
  • A moral que deduzo daí é a de que o autor deve buscar sua recompensa no prazer de executar sua obra e na libertação do fardo de seus pensamento; e, indiferente a tudo o mais, não se importar com os elogios ou críticas, fracasso ou sucesso.
- William Somerset Maugham in: Um gosto e seis vinténs
  • "Perdidas ontem, em algum lugar entre o levantar e pôr-do-sol, duas horas de ouro, cada uma ornada com sessenta minutos de diamantes. Não se oferece recompensa a quem as encontre porque perderam-se para sempre".
- Horace Mann citado in: Chalita, Mansour. Os mais belos pensamentos de todos os tempos. 4 Edição. Rio de Janeiro: Assoc. Cultural Internac. Gibran. pág. 43.
  • "O trabalho é sua própria recompensa."
- Sherlock Holmes in: A aventura do construtor de Norwood (1905) - The Adventure of the Norwood Builder
  • "...A recompensa de uma boa ação é geralmente ter de fazer uma outra boa ação, mais difícil e melhor."
- C. S. Lewis, em O Cavalo e seu Menino (Crônicas de Nárnia)
  • "É como na religião: quanto pior vive um homem ou quanto mais desamparado ou mais pobre é todo um povo, mais obstinadamente ele sonha com a recompensa no paraíso!"
- Fiódor Dostoiévski in: Os Demônios ou Os Possessos
  • "O estereótipo é o Eterno Feminino. Ela é o Objeto Sexual perseguido por todos os homens, e por todas as mulheres. Não é de nenhum sexo, pois ela própria não tem sexo algum. Seu valor é tão somente atestado pela exigência que ela excita nas outras. Sua contribuição se limita à existência. Nada precisa realizar, pois é a recompensa da realização. Nunca precisa dar evidência positiva de seu caráter moral, porque a virtude é deduzida de seu encanto e de sua passividade. Se algum homem, que não tem direito a ela, com ela for encontrado, ela não será punida, pois é moralmente neutra. É tão só uma questão de rivalidade masculina. Com toda a inocência ela pode levar os homens à loucura e à guerra. Quanto mais transtorno é capaz de causar, mais sua cotação sobe, pois a posse dela mais significa quanto maior disputa ela excita. Ninguém quer uma garota cuja beleza é imperceptível para todos menos para ele."
- Germaine Greer in: A Mulher Eunuco (1970); O Estereótipo (pág. 53)
  • " Os animais que você come não são aqueles que devoram outros, você não come as bestas carnívoras, você as toma como padrão. Você só sente fome pelas criaturas doces e gentis que não ferem ninguém, que o seguem, o servem, e que são devoradas por você como recompensa de seus serviços."
- Les animaux que vous mangez ne sont pas ceux qui mangent le autres: vous ne les mangez pas ces animaux carnassiers, vous les imitez: vous n'avez faim que des bêtes innocentes et douces qui ne font de mal à personne, qui s'attachent à vous, qui vous servent, et que vous dèvorez pour prix de leurs services.
- Émile - Página 138, Jean-Jacques Rousseau - A. Belin, 1817
Wikcionário lusófono
O Wikcionário possui o verbete: Recompensa