Diferenças entre edições de "Guilherme de Pádua"

1 235 bytes adicionados ,  23h29min de 17 de fevereiro de 2011
sem resumo de edição
m
 
 
*"Continuo preso. Fui uma espécie de exemplo de [[justiça]] superexposto pela mídia, em um [[país]] repleto de [[impunidade]]. A [[verdade]] é que fiz bobagens, mas sou inofensivo, e por isso as pessoas não têm medo de me agredir na rua."
:- ''Fonte: Revista IstoÉ Gente. <ref>[http://www.terra.com.br/istoegente/374/frases/index.htm Edição 374]''</ref>
 
*''“O que eu mais desejo é a [[felicidade]] das pessoas a quem causei [[dor]]. Mas eu acho que ela ([[Glória Perez|Glória]]) não quer me ouvir”''
:- Sobre o assassinato de Daniela Perez, filha de [[Glória Perez]].
:- Fonte: Terra. Data: 9 de abril de 2010.<ref name="GP entrevista no ratinho">[http://diversao.terra.com.br/tv/noticias/0,,OI4371690-EI12993,00-Guilherme+de+Padua+causa+polemica+em+entrevista+e+irrita+Gloria+Perez.html Guilherme de Pádua causa polêmica em entrevista e irrita Glória Perez]</ref>
 
*''“Estraguei a minha [[vida]]. [[Deus]] tem feito coisas maravilhosas por uma pessoa que não merece. Fui condenado no natural, mas não no sobrenatural. [[Deus]] transformou minha vida”''
:- Sobre sua vida após o assassinato de Daniela Perez.
:- Fonte: Terra. Data: 9 de abril de 2010.<ref name="GP entrevista no ratinho" />
 
*''“Ninguém sabe a minha versão da história. Já cuspiram em mim no shopping. As pessoas adoram chutar [[cachorro]] morto, principalmente se for alguém pacato como eu. Precisam de [[Deus]]”''
:- Sobre sua versão do assassinato de Daniela Perez.
:- Fonte: Terra. Data: 9 de abril de 2010.<ref name="GP entrevista no ratinho" />
 
==Referências==
<references />
 
{{DEFAULTSORT:Guilherme Padua}}
1 056

edições