Diferenças entre edições de "Fascismo"

223 bytes adicionados ,  16h02min de 25 de janeiro de 2010
m
sem resumo de edição
m (Bot: Adicionando: de, en, fr, lt, nl, zh)
m
 
* "Podemos ver que, como usada, a palavra ''fascismo'' é quase que inteiramente sem sentido. Na conversa, obviamente, é usada de forma mais desenfreada do que na imprensa. Eu ouvi sendo aplicada a fazendeiros, lojistas, crédito social, punição corporal, caça às raposas, touradas, o comitê de 1922, o comitê de 1941, [[Rudyard Kipling|Kipling]], [[Gandhi]], [[Chiang Kai-Shek]], [[homossexualidade]], as transmissões de Priestley, albergues de estudantes, [[astrologia]], mulheres, cachorros, e eu não o que mais."
 
:- ''[[George Orwell]]''
 
*"O [[comunismo]] distingue-se fundamentalmente do [[fascismo]] porque foi o primeiro."
::- ''Pensar‎ - Página 264, [[Vergílio Ferreira]] - Bertrand Editora, 1992, ISBN 9722506706, 9789722506700, 3a. ed. - 373 páginas
 
==Lemas e provérbios fascistas==