O Beijo da Morte

O Beijo da Morte é um livro dos escritores brasileiros Carlos Heitor Cony , nascido em 1926, em parceria com Anna Lee. Foi publicado em 2003 pela Editora Objetiva (Rio de Janeiro),283 p., ISBN 85-7302-572-7.“Mistura de ficção e reportagem, O Beijo da Morte se inspira em fatos reais para acompanhar a trajetória do Repórter- um personagem que vai mergulhar numa espiral de índícios e dúvidas, dedicando sua vida a esta obsessão fatal’’.



  • "Peço a Deus que me mande a morte de surpresa- mas sempre me prepare para recebê-la."
- Capítulo I, página 20
  • "Eu estava presenciando o impossível.O ex-presidente João Goulart, exilado no Uruguai desde a Revolução de 1964, e o ex-governador Carlos Lacerda, ainda não casssado em seus direitos civis, mas considerado como inimigo do regime que ajudara a instalar,trocavam, ali na minha frente, amabilidades. Dois antigos adversários punham de lado as querelas pessoais, as divergências ideológicas e políticas mais radicais. "
- Capítulo II, página 28


  • "Passara vários dias sem ir à redação.Com a morte de JK, no último domingo,praticamente toda a imprensa se fixou no assunto único, o acidente em si, o velório no Rio e em Brasília, a reação do governo militar diante das primeiras manifestações populares que, de alguma forma, significaram a primeira condenação formal do povo brasileiro ao regime."
- Capítulo III, página 42