Abrir menu principal

Fernanda Young

Escritora, roteirista e atriz brasileira
Fernanda Young
Fernanda Young
Fernanda Young em outros projetos:

Fernanda Young (Rio de Janeiro, Brasil, 1 de maio de 1970 - Paraisópolis, 25 de agosto de 2019) foi uma escritora, compositora e atriz de televisão, brasileira. Tem no GNT o programa Irritando Fernanda Young.



  • "As pessoas precisam passar por crises, por um processo depressivo, para ter um upgrade."
- Em entrevista ao De frente com Gabi, de Marília Gabriela.
  • “Preciso, no meu público, de todos aqueles que não me suportam.”
- Fonte: Revista IstoÉ Gente!, edição 334.
  • "Não só a libido, os peitos também."
- Em seu programa Irritando Fernanda Young, do canal GNT, complementando o comentário de Mariana Ximenes de que quando você vai amamentar, a libido cai para o pé.
- Fonte: Revista Veja, edição 1950, de 5 de abril de 2006.
  • "Eu lancho aspirina"
- Fernanda Young, escritora, que é hipocondríaca
- Fonte: Revista ISTOÉ Gente, edição 247 de 03 de maio de 2004.
  • "Lancei seis livros que nunca deixaram de vender, mas o dinheiro é pouco para quem tem duas meninas de 4 anos, mora em São Paulo e é tão consumista como eu."
- Fernanda Young, escritora, que gostaria de dedicar-se somente à literatura mas também acumula as funções de roteirista e apresentadora de tevê
- Fonte: Revista ISTOÉ Gente, edição 277 - 29/11/2004

Entrevista ao GPGEditar

A seguir, algumas frases e declarações de Fernanda em entrevista ao GPG:

  • "Sou uma pessoa que exige pequenas coisas, mas exijo bastante e de forma inadequada. Quero que o outro faça delicadezas..."
  • "Não gosto de facilitar o raciocínio do meu público. Tenho respeito e acredito na inteligência das pessoas"
  • "Eu sou quem sou por causa de muitos pais e mães gays que tive"
  • "Devemos parar de negar que ficar fora de si é muito bom e lembrar que ficar lúcido pode ser melhor" (sobre drogas)
  • "Eu sou escritora. Sou poeta. E serei tudo que eu puder ser..."
  • "Posso não reencarnar Fernanda de novo, e não gosto desta, a que dá a cara a tapa e que dá tapa na cara dos outros."
- Fonte: Revista Gay Pride Guide - outubro, 2008 - GPG
  • "E, mesmo assim, estarei sempre pronta para esquecer aqueles que me levaram a um abismo. E mais uma vez amarei. E mais uma vez direi que nunca amei tanto em toda a minha vida."
  • "Acho sim, que, às vezes, dou trabalho. Mas é como ter um Rolls Royce: se você não quiser ter que pagar o preço da manutenção, mude para um Passat."
  • "Talvez eu não perceba, mas devo ter conseguido coisas boas daquele amor. Ele era engraçado. Ele era esquisito. Ele dizia que eu era linda. E me fazia ter coragem. Ou melhor: fazia-me ver a coragem que há em mim."
  • "O amor deveria ser somente o início."
  • "A vida é linda, mas a ”lindeza do lindo mais lindo que há no lindíssimo” é um saco. Um pouco de calma e autocrítica nunca fez mal a ninguém."