Paulo Henrique Amorim: diferenças entre revisões

80 bytes adicionados ,  19h54min de 30 de outubro de 2009
Sem resumo de edição
 
*"Em nenhuma democracia séria do mundo, jornais conservadores, de baixa qualidade técnica e até sensacionalistas, e uma única rede de televisão têm a importância que têm no Brasil. Eles se transformaram num partido político – o PiG, Partido da Imprensa Golpista"
: ''sobre a imprensa brasileira e sua parcialidade, sendo ele próprio parcial ao defender o governo e as ditaduras sul americanas''
 
 
Utilizador anónimo