Diferenças entre edições de "Nicholas Ray"

717 bytes removidos ,  18h37min de 6 de fevereiro de 2009
adequação ao modelo
m
(adequação ao modelo)
}}
[[w:Nicholas Ray|'''Nicholas Ray''']], ''nome artístico de '''Raymond Nicholas Kienzle''' ([[7 de agosto]]
de [[1911]] - [[16 de junho]] de [[1979]]) foi um dos mais importantes e bem sucedidos [[cinema|cineastas]] [[EUA|americanos]] da década de [[1960|50]].
de [[1911]] - [[16 de junho]] de [[1979]]) foi um dos mais importantes e bem sucedidos cineastas americanos nos anos de 1950 e início de 60, respeitado principalmente pela crítica francesa. O tema preferido de sua obra estava relacionado aos problemas sociais, a delinqüência juvenil, e a busca inconstante do homem por sua identidade e auto-afirmação, enfrentando barreiras geralmente ocasionadas por supostos falsos valores que a sociedade pode impor. Geralmente, seus heróis eram seres amargurados. É o caso de películas como '''Cinzas que Queimam'''(1951), com [[Robert Ryan]]; '''Amarga Esperança'''(1948), com Farley Granger; '''No Silêncio da Noite'''(1950), com [[Humphrey Bogart]]; '''O crime não Compensa'''(1948), com [[Bogart]] e John Derek; e o ápice de sua filmografia, '''Juventude Transviada'''(1956), com [[James Dean]]. Faleceu em 1979.''
----
 
2 910

edições