Diferenças entre edições de "Padre Antônio Vieira"

261 bytes adicionados ,  10h31min de 10 de dezembro de 2008
m
fonte
m
m (fonte)
:- ''Sobre a necessidade de retomar os entrepostos portugueses de escravos na África, naquele momento sob controle holandês.
:- Carta do Pe. Antônio Vieira ao marquês de Niza, 12 de agosto de 1648, citada por Silva, Leonardo Dantas, "Alguns documentos para história da escravidão", Fundaj, Editora Massangana, Recife, 1988, p. 8; citado em "Família, mulher, sexualidade e Igreja na história do Brasil: ; Por Maria Luiza Marcílio; Colaborador Maria Luiza Marcílio; Publicado por Edicoes Loyola, 1993; ISBN 851500724X, 9788515007240; 203 páginas; [http://books.google.com.br/books?id=RpGPN8kv-a8C&pg=PA30&dq=Sem+Angola,+n%C3%A3o+h%C3%A1+negros+e+sem+negros+n%C3%A3o+h%C3%A1+Pernambuco.&lr=], página 30.''
 
* "Se servisteservistes aà Pátria[[pátria]], eque ela tevos foi ingrata, tuvós fizestefizestes o que deviasdevíeis, ela o que costuma."{{carece de fontes}}
:- ''"Sermão da Terceira Quarta-Feira da Quaresma", na Capela Real, ano 1669; in: "Sermões", Tomo I, [http://books.google.com.br/books?id=bW8WCtRUBWsC&pg=PA105 página 105], Por António Vieira, organização Alcyr Pécora, Publicado por hedra, 2001 ISBN 8587328328, 9788587328328''
 
==[[s:Sermão da Sexagésima|Sermão da Sexagésima]], ==
:- ''"[[s:Sermão da Sexagésima|Sermão da Sexagésima]]", parte VII''
 
==Atribuídas==
 
*"Se serviste a Pátria e ela te foi ingrata, tu fizeste o que devias, ela o que costuma."{{carece de fontes}}
 
==Ligações externas==