Lya Luft: diferenças entre revisões

32 bytes adicionados ,  5 de dezembro de 2008
m
sem resumo de edição
m (fontes)
mSem resumo de edição
[[w:Lya Luft|'''Lya Luft''']], ''([[15 de setembro]] de [[1938]] - ), escritora brasileira''.
----
 
*"Não existe isso de [[homem]] escrever com vigor e mulher escrever com fragilidade. Puta que pariu, não é assim".{{carece de fontes}}
 
*"Viver, como talvez [[morte|morrer]], é recriar-se: a [[vida]] não está aí apenas para ser suportada nem vivida, mas elaborada".
*"Escrevo sobre [[isolamento]] e [[ternura]], a perturbadora ambivalência nossa, [[frivolidade]] e [[covardia]], às vezes a graça e o riso".
::- ''"Pensar é transgredir", Página 11; de Lya Fett Luft; Publicado por Editora Record, 2004; ISBN 8501069698, 9788501069696; 185 páginas''
 
==Atribuídas==
{{sem fontes}}
 
*"Não existe isso de [[homem]] escrever com vigor e mulher escrever com fragilidade. Puta que pariu, não é assim".{{carece de fontes}}
 
*"Talvez a [[elite]] verdadeira seja a dos bem informados. Um povo pouco informado acredita no primeiro demagogo que aparece e, por cegueira ou por carência, segue o caminho de seu próprio infortúnio".{{carece de fontes}}