Diferenças entre edições de "Cezar Zama"

205 bytes adicionados ,  17h07min de 24 de novembro de 2008
m
fonte
m (clean up)
m (fonte)
 
*"Loucos sempre existiram e existirão: como tal sou qualificado pelos adversários... Felizmente já estou velho e não tardará que encontre no túmulo o esquecimento dos vivos..."
::- ''Mensario do "Jornal do commercio" (artigos de collaboração) - Página 620; 1945''
 
*"Bastará que qualquer país importante da Europa confira-lhes direitos políticos e nós o imitaremos. Temos o nosso fraco pela imitação."
*"Bella matribus detestada! Flagelo horrível da humanidade, que a civilização moderna ainda não conseguiu extirpar, maldita guerra! Que chega até a inverter a ordem e as leis da natureza!"
::- ''Sobre o sufrágio feminino''
 
==Atribuídas==
*"Quem, como nós, porém, escreve, não uma apologia, mas a história real de um homem, é obrigado a dizer aquilo que em sua convicção é a verdade, luz sempiterna e divina, que todos devem procurar ver."
{{sem fontes}}
 
*"Bella matribus detestada! Flagelo horrível da humanidade, que a civilização moderna ainda não conseguiu extirpar, maldita guerra! Que chega até a inverter a ordem e as leis da natureza!"{{carece de fontes}}
*"Acatamos as leis do país, e ainda mais as leis morais, que, por não serem escritas, não absolvem todavia os seus transgressores da reprovação geral. Se nos submetemos aos abusos, que diariamente se multiplicam entre nós, é porque não temos meios e recursos para reagir contra os seus autores; nunca, porém, abdicaremos o último dos direitos dos vencidos – o de protestar com energia contra os demolidores da pátria e da república."
 
*"Quem, como nós, porém, escreve, não uma apologia, mas a história real de um homem, é obrigado a dizer aquilo que em sua convicção é a verdade, luz sempiterna e divina, que todos devem procurar ver."{{carece de fontes}}
 
*"Acatamos as leis do país, e ainda mais as leis morais, que, por não serem escritas, não absolvem todavia os seus transgressores da reprovação geral. Se nos submetemos aos abusos, que diariamente se multiplicam entre nós, é porque não temos meios e recursos para reagir contra os seus autores; nunca, porém, abdicaremos o último dos direitos dos vencidos – o de protestar com energia contra os demolidores da pátria e da república."{{carece de fontes}}
 
*"Deus fez-nos racional e pensante; exercemos um direito inerente à nossa natureza. Só os ''vermes'' toleram ser calcados aos pés sem protestarem."{{carece de fontes}}
 
*"Deus fez-nos racional e pensante; exercemos um direito inerente à nossa natureza. Só os ''vermes'' toleram ser calcados aos pés sem protestarem."
 
*"Bastará que qualquer país importante da Europa confira-lhes direitos políticos e nós o imitaremos. Temos o nosso fraco pela imitação."
:- ''Sobre o sufrágio feminino''
 
[[Categoria:Pessoas]]