Diferenças entre edições de "James Joyce"

14 bytes removidos ,  12h27min de 13 de setembro de 2008
:- ''pg 97''
* Monsieur de la palisePalise - escarneia Stephen - estava vivo quinze minutos aintesantes de morrer
:- ''pg 215''
 
:- ''pg 218''
 
* As gentes não sabem quaoquão perigosas podem ser as canções de amor
* Ba! - disse Stephen rudemente - Um homem de gênio não se engana. Seus erros são volitivos e são os portais da descoberta
:- ''pg 222''
 
* No que nós, ou a mãe Dana, tecemos e destecemos nosso corpos - disse Stephen - no dia a dia, as moléculas deles entrecuzando-se daqui para ali, assim tece e destece o artista a sua imagem. E assim como o sinal do meu peito direito estáondeestá onde estava quando eu nasci. embora meu corpo tenha sido tecido de novos fios no correr dos tempos, assim através do espírito do pai inquieto a imagem do filho não vivente se mostra. No intenso instante da imaginação, quando a mente, diz Shelley, é um tição evanescente, aquilo que eu era é aquilo que eu sou e o que em possibilidade eu posso vir a ser. Assim no futuro, o irmão do passado, eu poderei ver-me como agora aqui estou sentado mas por reflexão daquilo qieque então eu serei
:- ''pg 227''
:- ''pg 514''
 
* Ela hesita em meio a fragrâncias, música, tentações. Ela oconduz para os degraus, atraindo-o pelo odor dos sovacos, o viço dos seiusseus o,hosolhos pintados, o frufru de sua comisola em cujas pregas sinuosas se enrosca o fartum leonino de todos os brutos e machos que a possuíram. "odor dos sovacos"
:- ''pg 551''
 
Utilizador anónimo