Diferenças entre edições de "Michael Stipe"

287 bytes adicionados ,  10h55min de 24 de agosto de 2008
m
img
m (recat)
m (img)
{{Autor
[[w:Michael Stipe|John '''Michael Stipe''']] ''(nasceu dia 4 de Janeiro de 1960, em Decatur (Atlanta), estado da Geórgia, EUA); vocalista da banda de rock americana, o REM.''
| Nome = Michael Stipe
| Foto = Michael Stipe by David Shankbone.jpg
| Wikisource =
| Wikipedia = Michael Stipe
| Wikicommons =
| Gutenberg =
| Cervantes =
| DominioPu =
| DomiPubli =
| EbooksG =
| Cor = #c0c0c0
}}
[[w:Michael Stipe|John '''Michael Stipe''']] ''(nasceu dia [[4 de Janeiro]] de [[1960]], em Decatur (Atlanta), estado da Geórgia, EUA); vocalista da banda de rock americana, o REM.''
----
 
{{wikipédia}}
 
*"[Sobre a álbum Green] Queria que fosse um disco otimista, não necessariamente feliz, mas otimista, para acabar com o cinismo fácil do mundo em que vivemos."
:- ''Michael Stipe, REM (Rolling Stone, abril de 98)''
 
* "[Sobre Radio Free Europe] Desafio alguém a achar algum sentido nessa letra. Acho que não há nenhuma [[palavra]] de [[verdade]] nela, são apenas sons. Gosto de fazer isso de vez em quando"
:- ''Michael Stipe, REM (Melody maker, outubro de 88).''
 
* "O ritmo de Athens é tão lento. Isso tem muito a ver com o calor. Lentidão é a característica mais intrínseca e mais óbvia da nossa [[música]]. No começo éramos uma banda trash, não sabíamos tocar bem e morríamos de medo de tocar devagar. Fui eu que comecei a desacelerar a música"
:- ''Michael Stipe, REM (New Musical Express, abril 88).''
 
* "Como letrista, acho que acho que os erros[[erro]]s às vezes se tornam as partes mais inspiradoras de um [[projeto]]. Admitido e utilizado, o erro pode ser a coisa mais linda que você poderia fazer. Aplico isso não apenas ao ato de escrever, mas em tudo que acontece na minha [[vida]]."
:- ''Michael Stipe, REM (BIZZ, junho 89).''
 
* "Não entendo esses ensaios[[ensaio]]s sobre a nossa [[integridade]] , se ela está ou não intacta. Quem se importa? Somos apenas uma banda pop."
:- ''Michael Stipe, REM (Vox, abril 91).''