Sofrimentos do Jovem Werther, Os: diferenças entre revisões

sem resumo de edição
Sem resumo de edição
Sem resumo de edição
* "Ah! bem sabia que você me amava!"
 
* "Deus sabe quantas são as ocasiões em que me deito na cama com o desejo, e às vezes a esperança, de não tornar a acordar. E de manhã abro os olhos, revejo o sol e me sinto miserável."
 
* "Não sou eu o mesmo homem que (...) via surgir o paraíso a cada passo e um coração capaz de estreitar dentro de si o amor do mundo inteiro? Mas agora este coração está morto, já não brota dele nenhum encanto, os meus olhos estão secos e os meus sentidos, que jão não são mais aliviados por lágrimas refrescantes, também estão secos e rasgam sulcos de medo em minha testa."
 
* "Ah esse vácuo medonho que sinto em meu seio! Muitas vezes penso...Se pudesses uma vez, uma só vez, apertá-la ao meu peito, todo esse vácuo haveria de se encher."
 
* "Acontece com a distância o mesmo que acontece com o futuro: um todo imenso, e como que envolvido por uma neblina, estende-se diante da nossa alma; nosso coração ali mergulha e se perde, da mesma forma que nossos olhos, e ardentemente aspiramos a nos abandonar por completo, deixando-nos impregnar de um sentimento único, sublime, delicioso... No entanto, pobres de nós, quando lá chegamos e vemos que nada mudou: encontramo-nos tão pobres, tão limitados como antes, e nossa alma suspira pela felicidade que lhe fugiu."
 
 
189

edições