Diferenças entre edições de "José Serra"

Sem alteração do tamanho ,  06h04min de 12 de novembro de 2006
sem resumo de edição
*"O Doutor Rosinha ficou bravinho com uma pesquisinha que mostra que há um probleminha no [[governo]] do PT."
:- ''Então prefeito de São Paulo, referindo-se às críticas que o deputado catarinense fez à pesquisa publicada por VEJA de julho de 2005''
 
*"Aí tem muitas evidências já. Tem peso de elefante, tromba de elefante, cheiro de elefante. Deve ser elefante, né? Falam que não tinha "mensalão". Tem todas as indicações de que tem. O elefante está aí, né?"
:- ''Folha Online 22/07/2005 - 03h48, por SIMONE HARNIK da Folha de S.Paulo''
 
*"Finge que funciona!"
:- ''Então prefeito de São Paulo, referindo-se ao medidor de pressão arterial que não funcionava, quando uma enfermeira de um novo posto de saúde que ele inaugurava tentava medir sua pressão.''
:- ''20/01/2006 - por Silvia Amorim da Folha de S.Paulo''
 
*"São Paulo tem muita migração. É um problema".
:- '''Edi Paraizo''', ''estudante que quebrou um ovo no rosto do então ministro da Saúde, José Serra''
:- ''Fonte: Revista IstoÉ Edição 1600''
 
*"Aí tem muitas evidências já. Tem peso de elefante, tromba de elefante, cheiro de elefante. Deve ser elefante, né? Falam que não tinha "mensalão". Tem todas as indicações de que tem. O elefante está aí, né?"
:- ''Folha Online 22/07/2005 - 03h48, por SIMONE HARNIK da Folha de S.Paulo''
 
*"Finge que funciona!"
:- ''Então prefeito de São Paulo, referindo-se ao medidor de pressão arterial que não funcionava, quando uma enfermeira de um novo posto de saúde que ele inaugurava tentava medir sua pressão.''
:- ''20/01/2006 - por Silvia Amorim da Folha de S.Paulo''
 
*"O problema do Serra não é ele, mas o diabo que existe dentro dele"
Utilizador anónimo