Diferenças entre edições de "Monteiro Lobato"

273 bytes adicionados ,  20h37min de 23 de setembro de 2006
m
sem resumo de edição
m
{{Autor
[[Imagem:Lobato arte.jpg|200px|right]]
|Wikisource=
[[w:Monteiro Lobato (autor)|José Bento '''Monteiro Lobato''']] ''(Taubaté, Brasil, 18 de abril de 1882 - São Paulo, 4 de julho de 1948). Escritor brasileiro''.
|Wikipedia=Monteiro Lobato
|Wikicommons=
|Foto=Lobato arte.jpg
|Nombre=Monteiro Lobato
|Gutenberg=
|Cervantes=
|DominioPu=
|DomiPubli=
|EbooksG=
|Color=#c0c0c0
}}
 
[[w:Monteiro Lobato (autor)|José Bento '''Monteiro Lobato''']] ''(Taubaté, Brasil, 18 de abril de 1882 - São Paulo, 4 de julho de 1948). Escritor brasileiro''.
----
 
* "Eu me acho capaz de escrever para os Estados Unidos por causa do meu pendor para escrever para crianças. Acho o americano sadiamente infantil."
 
*"Tudo é loucura ou sonho no começo. Nada do que o homem fez no mundo teve início de outra maneira — mas já tantos sonhos se realizaram que não temos o direito de duvidar de nenhum."
*"Inda há de surgir o Nietzche americano que ponha em filosofia e imponha ao mundo, como dogma novo, a impetuosidade alegre dos grandes Vândalos que estão a criar o mundo de amanhã. Que divinize como a coisa mais grata ao nosso instinto fundamental o murro de martelo-pilão com que um Tunney mete por terra um Dempsey. Que divinize a audácia de arrancar as catedrais à mística religiosa para dá-las, multiplicadas em ímpeto ascensor, ao comércio, ao cinema, ao rádio. Que divinize o 'mais, mais, mais' que não se perde em refletir à grega: 'sim, mas mais até onde?' Que realize a supressão da palavra 'até'. O 'até' limita, e por que limitar?"-(op.cit., pg. 122-3)
 
 
{{wikipédia}}
 
[[Categoria:Pessoas]]