Diferenças entre edições de "Luís Roberto Barroso"

sem resumo de edição
'''[[w:Luís Roberto Barroso|Luís Roberto Barroso]]''' ''(Vassouras, [[11 de março]] de [[1958]]) É um juiz do supremo indicado pelo PT.''
----
 
* "Em 1997, nossos caminhos [''meu e de [[Joaquim Barbosa]]''] se cruzam novamente porque abre uma vaga de professor-adjunto de direito administrativo na Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Eu mesmo era o chefe de departamento e organizei o concurso pelo qual a Universidade do Estado do Rio de Janeiro teve o prazer e a honra de receber, possivelmente, o primeiro professor negro, um negro de primeira linha, um negro vindo de um doutorado em Paris, que foi uma sensação a chegada dele na universidade e, um pouco, um marco de um processo, que mais adiante teria lugar na UERJ, de integração social, de integração racial, que foi a política de cotas estimulada por uma notável figura aqui presente, que é o nosso querido Frei David".
:- Vídeo no [[w:YouTube|YouTube]]: youtube.com/watch?v=oBaoNX6E4RI — 11 de junho de 2017
 
* "Se o Congresso decidir que deve ter voto impresso e o Supremo validar, vai ter voto impresso. Mas vai piorar. A vida vai ficar bem pior, vai ficar parecido com o que era antes".
:- ''22 de abril de 2021, no julgamento sobre a suspeição de [[Sérgio Moro]].''
:- ''Fonte: [https://www.conjur.com.br/2021-abr-22/stf-forma-maioria-manter-suspeicao-moro-julgar-lula Conjur]''
 
* "Ele foi implantando em 1996 e nunca se documentou sequer um caso de fraude desde então. Todos os senhores [''deputados''] foram eleitos por esse sistema de controle eleitoral. Portanto, o que nós fizemos com o sistema eletrônica de votação foi derrotar o passado de fraudes que marcavam a história brasileira no tempo do voto de papel. A posição do TSE, no tocante ao item segurança, é de que a introdução do voto impresso seria uma solução desnecessária, para um problema que não existe, com um aumento relevante de riscos".
:- Vídeo no [[w:YouTube|YouTube]]: youtube.com/watch?v=qdXl2zvz7-k — 9 de junho de 2021
 
[[Categoria:Advogados do Brasil]]
695

edições