Diferenças entre edições de "Walt Whitman"

42 bytes adicionados ,  14h47min de 27 de novembro de 2020
sem resumo de edição
:Sempre o anseio procriador do mundo." <ref> ''(Folhas de relva, página 51 - Canção de mim mesmo)'' </ref>
 
*"Vejo os [[navio]]s (eles durarão alguns anos), / As grandes [[fábrica]]s com seus capatazes e empregados, / E ouço a aprovação a tudo isso, e a isso não me oponho".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Lágrimas! Lágrimas! Lágrimas! / À [[noite]], na [[solidão]], [[lágrima]]s".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Ó com o que devo decorar as paredes da câmara mortuária? / E quais serão os quadros que pendurarei nas paredes, / Para adornar a [[casa]] funérea daquele que amo?"<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Para que haja grandes [[poeta]]s é preciso que haja também um grande público".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Uma [[mulher]] espera-me, tem tudo, não falta nada. Mas faltaria tudo se faltasse o [[sexo]]".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Se há alguma coisa sagrada é o [[corpo]] [[humano]]".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Celebro a mim mesmo / e canto a mim mesmo".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Estes são realmente [[pensamento]]s / de todo [[homem]] em qualquer [[tempo]] e lugar, / não são originais meus; / e se não são de vocês tanto quanto meus / não querem dizer nada / ou quase nada;"[...]<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Vivas àqueles que levaram a pior!".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Existo como sou, / isso é o que basta".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Está na hora de eu falar de mim, / vamos ficar de [[pé]]!".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Meu espírito é amplo; eu contenho multidões."<ref> ''Fonte: livro Psicologia, E/Imigração e Cultura, org. de A. DeBiaggi e G. de Paiva (Casa do Psicólogo).''</ref>
 
==Atribuídas==
{{sem fontes}}
 
*"Eu celebro a mim mesmo, por que cada átomo pertencente a mim pertence a você.” {{carece de fontes}}
 
*"A fé é o anti-séptico da alma".
 
*"Milagres"
:o movimento das ondas,
:os navios que vão com homens dentro
:— existirão milagres mais estranhos?<ref>Folhas de Relva, página 381</ref>
 
*"Vejo os [[navio]]s (eles durarão alguns anos), / As grandes [[fábrica]]s com seus capatazes e empregados, / E ouço a aprovação a tudo isso, e a isso não me oponho".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Lágrimas! Lágrimas! Lágrimas! / À [[noite]], na [[solidão]], [[lágrima]]s".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Ó com o que devo decorar as paredes da câmara mortuária? / E quais serão os quadros que pendurarei nas paredes, / Para adornar a [[casa]] funérea daquele que amo?"<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Para que haja grandes [[poeta]]s é preciso que haja também um grande público".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Uma [[mulher]] espera-me, tem tudo, não falta nada. Mas faltaria tudo se faltasse o [[sexo]]".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Se há alguma coisa sagrada é o [[corpo]] [[humano]]".<ref> ''Fonte: "Folhas de Relva"''</ref>
 
*"Celebro a mim mesmo / e canto a mim mesmo".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Estes são realmente [[pensamento]]s / de todo [[homem]] em qualquer [[tempo]] e lugar, / não são originais meus; / e se não são de vocês tanto quanto meus / não querem dizer nada / ou quase nada;"[...]<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Vivas àqueles que levaram a pior!".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Existo como sou, / isso é o que basta".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Está na hora de eu falar de mim, / vamos ficar de [[pé]]!".<ref>''Fonte: "Canto a mim mesmo"''</ref>
 
*"Meu espírito é amplo; eu contenho multidões."<ref> ''Fonte: livro Psicologia, E/Imigração e Cultura, org. de A. DeBiaggi e G. de Paiva (Casa do Psicólogo).''</ref>
 
==Atribuídas==
{{sem fontes}}
 
*"Eu celebro a mim mesmo, por que cada átomo pertencente a mim pertence a você.” {{carece de fontes}}
 
*"A fé é o anti-séptico da alma".
 
 
 
[[Categoria:Pessoas]]
458

edições