Diferenças entre edições de "Fiódor Dostoiévski"

1 719 bytes adicionados ,  02h45min de 11 de novembro de 2020
m
Revertidas edições por 2804:214:82E0:423B:1:1:ECCC:CBA1, para a última versão por Chico
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel Editor Visual Revertida
m (Revertidas edições por 2804:214:82E0:423B:1:1:ECCC:CBA1, para a última versão por Chico)
Etiqueta: Reversão
 
{{Autor
''aleceu em de em São PetersburgoRússia. Escritor, uma das maiores personalidades da literatura russa. Às vezes nominado como o fundador do existen''na uma única superior: a da da humana,pois todas as outras idéias superiores de que o pode viver, nascem ''citado em Cintilações" Páginasabino Lino Conte- Editôrapágina''Partindo de uma ilimitada chega-se a um sem limites.
|Wikisource=ru:Фёдор Михайлович Достоевский
::
|Wikipedia=Fiódor Dostoiévski
|Wikicommons=Fyodor Dostoyevsky
|Foto=Dostoevsky 1872.jpg
|Nombre='''Fiódor Dostoiévski'''
|Gutenberg=
|Cervantes=
|DominioPu=254
|DomiPubli=
|EbooksG=
|Color=#c0c0c0
}}
[[w:Dostoievski|'''Fyodor Mikhaylovich Dostoevsky''']] (Фёдор Миха́йлович Достое́вский, ''às vezes escrito '''Dostoyevsky''') nasceu em [[11 de Novembro]] de [[1821]] em Moscou, Rússia; faleceu em [[9 de Fevereiro]] de [[1881]] em São Petersburgo, Rússia. Escritor, uma das maiores personalidades da literatura russa. Às vezes nominado como o fundador do ''[[existencialismo]]''.
----
__TOC__
 
* "Há na [[terra]] uma única [[idéia]] superior: a da [[imortalidade]] da [[alma]] humana, pois todas as outras idéias superiores de que o [[homem]] pode viver, nascem somente dessa [[idéia]]."
*mal se insinua no homem mais profundamente do que supõem os médicos socialistas. Em nenhuma ordem social é possível escapar ao mal e mudar a alma humana: ela própria é a origem da aberração e do''ло ''
:- ''[[Fiódor Dostoiévski]], citado em "Cintilações"‎ - Página 11, Sabino Lino Conte - Editôra F.T.D., 1966 - 158 páginas
:::''произведений, Volume páginaедор Достоевский - Государственное издате''"Conhecemos um pelo seu . Se na primeira vez que o encontramos ele ri de maneira o é excelente.''I may be mistaken but I fancy that one can know a man from his laugh, and if you like a man's laugh before you know anything of him, you may confidently say that he is a good man. ''
 
* "Partindo de uma [[liberdade]] ilimitada chega-se a um [[despotismo]] sem limites."
:::''wo parts -página - The Macmillan páginas''
::- ''Выходя из безграничной свободы, я заключаю безграничным деспотизмом.
:::- [[Fiódor Dostoiévski]]; Полное собрание художественных произведений: : Volume 7 - página 329, Федор Достоевский - Государственное издательство, 1926
 
*"É claro e evidente que o mal se insinua no homem mais profundamente do que supõem os médicos socialistas. Em nenhuma ordem social é possível escapar ao mal e mudar a alma humana: ela própria é a origem da aberração e do''ло ''[[pecado]]."
::- ''Зло таится в человечестве глубже, чем предполагают лекаря-социалисты, ни в каком устройстве общества не избегнете зла; ненормальность и грех исходит из самой души человеческой.
:::- ''[[Fiódor Dostoiévski]]; Полное собрание художественных произведений, Volume 12‎ - Página 210, Федор Достоевский - Государственное издательство, 1930
 
* "Conhecemos um [[homem]] pelo seu [[riso]]. Se na primeira vez que o encontramos ele ri de maneira [[agradável]], o [[íntimo]] é excelente."
:::''произведений, Volume páginaедор Достоевский - Государственное издате''"Conhecemos um pelo seu . Se na primeira vez que o encontramos ele ri de maneira o é excelente.''I may be mistaken but I fancy that one can know a man from his laugh, and if you like a man's laugh before you know anything of him, you may confidently say that he is a good man. ''
:::- ''The house of the dead: a novel in two parts - página 36, [[Fyodor Dostoyevsky]] - The Macmillan Company, 1915 - 284 páginas
 
===Notas do Subterrâneo ou Memórias do subsolo===
*"A maior [[felicidade]] é quando a pessoa sabe porque é que é infeliz
::- ''The greatest happiness is to know the source of unhappiness
:::- ''[[Fiodor Dostoievski]] como citado in Be Happy! - [https://books.google.com.br/books?id=BeRnx0n-d5IC&pg=PA68 Página 68], Robert Holden - Hay House, Inc, 2009, ISBN 1401925030, 9781401925031, 285 páginas''
 
{{sem fontes}}
527

edições