Diferenças entre edições de "Provérbios portugueses"

removidos dulicados
(maia 5400 provérbios)
(removidos dulicados)
* "Antes morrer arruinado que viver esfomeado."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Antes morrer da doença que da cura."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Antes morte, que má sorte."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Antes para a cadeia, que para hospital."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Antes para nós um baguinho que dois figos para o vizinho."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Depois de comer, nem uma carta ler."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Depois de fartos, não faltam pratos."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Depois de que o menino nasceu, tudo cresceu."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Depois de Ramos, na Páscoa estamos."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Depois de um belo gesto, não faças um manifesto."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Grandes caminhadas, grandes mentiras."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Grandes peixes, pescam-se em grandes rios."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Grão a grão enche a galinha o papo."<sup><small>[Note 1]</small></sup>
* "Grão a grão, enche a galinha o papo."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Grilhões, nem de ouro."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais dano fazem amigos néscios que inimigos descobertos."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais depressa se apanha um mentiroso do que um coxo."<sup><small>[Note 2]</small></sup>
* "Mais depressa se apanha um mentiroso que um coxo."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais faz diligência que dinheiro."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais faz quem quer do que quem pode."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale engenho que força."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale estragar sapatos que lençóis."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale exemplo que doutrina."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale experiência que ciência."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale ficar solteiro que casar sem ter dinheiro."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale ser rabo de pescada que cabeça de sardinha."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale só do que mal acompanhado."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale só que mal acompanhado."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale solteiro andar que mal casar."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale suar que enfermar."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale tarde do que nunca."<sup><small>[Note 2]</small></sup>
* "Mais vale tarde que nunca."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale ter mau hálito que não ter hálito nenhum."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale toda a vida solteira que uma hora mal casada."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale um dia de amores que dez anos de latim."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale um gosto do que seis vinténs na algibeira."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale um mau acordo que uma boa demanda."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Mais vale um mau acordo, do que uma boa demanda."<sup><small>[Note 2]</small></sup>
* "Mais vale um pão com Deus do que dois com o diabo."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Nem contes com parentes, nem dividas com ausentes."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Nem erva no trigo, nem suspeita no amigo."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Nem Inverno sem capa nem Verão sem cabaça."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Nem mula manca há-de sarar nem mulher má se há-de emendar."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Nem mulher casada nem vinha vindimada."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Onde a razão se não ouve, tolo é quem se não cala."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Onde alhos há, vinha haverá."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Onde canta galo não canta galinha."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Onde canta o galo, não canta a galinha."<sup><small>[Note 1]</small></sup>
* "Onde choram, não cantes."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Os velhos plantam a vinha, as jovens vindimam-na."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Ou entra mosca ou sai asneira."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Ou há moralidade ou comem todos."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Ou há moralidade, ou comem todos."<sup><small>[Note 2]</small></sup>
* "Ou oito ou oitenta."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Passear pargo com camarão."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Passo lento, passo lento, que este é rico e paga o tempo."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Patrão fora dia santo na loja."<sup><small>[Note 3]</small></sup>
* "Patrão fora, dia santo na loja."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Pau torto tarde ou nunca se endireita."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem de novo não vai, de velho não escapa."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem de pobre não passa a rico não chega."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem de vinho é amigo, cedo está perdido."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem de vinho fala sede tem."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem deixa de ser amigo é porque nunca o foi."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem escuta, de si ouve."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem espera da mão alheia, mal janta e pior ceia."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem espera desespera."<sup><small>[Note 2]</small></sup>
* "Quem espera por sapatos de defunto, anda toda a vida descalço."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem espera sempre alcança."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem não sabe disfarçar, não sabe reinar."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem não sabe do mal não sabe do bem."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem não sabe é como quem não vê."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem não sabe executar, não sabe mandar."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem não sabe fazer, não sabe mandar."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem te viu e quem te vê."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tem a consciência limpa dorme tranquilo."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tem amigos não morre na cadeia."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tem amigos, é rico."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tem amigos, não morre na cadeia."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem troca odre por odre, algum deles sai podre."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tudo quer saber, mexerico quer fazer."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tudo quer tudo perde."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tudo quer, tudo perde."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem tudo quiser saber nada se lhe há-de dizer."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem vai, vai, quem fica, fica."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem vareja antes do Natal, deixa azeite no olival."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem vê caras não vê corações."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Quem vê caras, não vê corações."<sup><small>[Note 2]</small></sup>
* "Quem vê os três Magos não anda longe do Salvador."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Três coisas enganam os homens: as mulheres, os copos pequenos e a chuva miudinha."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Três coisas mudam o homem: a mulher, o estudo e o vinho."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Três foi a conta que Deus fez."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Três horas dorme o santo, três e meia o que não é tanto, quatro o estudante, cinco o extravagante, seis o porco e sete o morto."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
* "Três inimigos têm o segredo: Baco, Vénus e o interesse; o primeiro descobre, o segundo vende e o terceiro arrasta."<sup><small>[Note 4]</small></sup>
 
==Veja também==
* [[Expressões Idiomáticas brasileiras]]
* [[Expressões Idiomáticas portuguesas]]
* [[Provérbios brasileiros]]
* [[Provérbios em Português]]
30

edições