Diferenças entre edições de "Søren Kierkegaard"

240 bytes adicionados ,  21h17min de 8 de julho de 2018
m
m
 
*"Enganar-se a respeito da natureza do [[amor]] é a mais espantosa das perdas. É uma perda eterna, para a qual não existe compensação nem no [[tempo]] nem na [[eternidade]]"
::- ''At bedrage sig selv for kærlighed er det forfærdeligste, er et evigt tab, for hvilket der ingen erstatning er, hverken i tid eller evighed
:::- ''citado em "Gud er kærlighed: betragtninger over grundtankerne i Søren Kierkegaards "Kjerlighedens gjerninger"‎" - Página 24, H. J. Falk - Aros, 1986, ISBN 8770034869, 9788770034869 - 71 páginas
 
* “A verdade é subjetividade”
::- ''como citado in A revolução do amor, [https://books.google.com.br/books?id=PvjaCQAAQBAJ&pg=PT135 página 135], Renato Alexandre - Editora Ágape Ltda, 2015, ISBN 858261085, 9788582161081, 232 páginas
 
== O Conceito de Ironia - Constantemente Referido a Sócrates ==