Diferenças entre edições de "Aldous Huxley"

601 bytes adicionados ,  21h23min de 26 de setembro de 2016
sem resumo de edição
 
* "...se confundirmos o dedo apontado com a lua para a qual ele aponta, certamente nos perdemos. O Fato deve ser abordado com base nos fatos; não pode ser conhecido por meio de palavras, ou por fantasias inspiradas em palavras. O reino do céu pode ser destinado a existir 'na terra'; não pode ser destinado a existir em nossa imaginação ou em nosso raciocínio discursivo. Tem de haver uma mortificação (...) da nossa tendência fatal para colocar produtos de nossa imaginação no lugar da natureza. Temos de nos livrar de nosso catálogo de simpatias e antipatias, dos modelos verbais aos quais esperamos adaptar a realidade, das fantasias nas quais nos refugiamos quando os fatos não atingem nossas expectativas..."
 
 
 
''''''A Situação Humana,1959''''''
 
* Segundo Aldous Huyley: "A religião da experiência direta do divino tem sido considerada privilégio de muito poucas pessoas. Pessoalmente, não penso que isso seja necessariamente verdade. Penso que praticamente todas as pessoas são capazes dessa experiência imediata, desde que ajam da maneira correta e estejam preparadas para fazer o que for preciso. Mas aceitamos como certo que os místicos são uma pequena minoria entre uma vasta maioria que deve contentar-se com a religião dos credos, símbolos, livros sagrados, liturgias e organizações".
 
 
=== [[w:Regresso ao Admirável Mundo Novo (livro)|Regresso ao Admirável Mundo Novo]], 1959 ===
::- ''The secret of genius is to carry the spirit of the child into old age, which means never losing your enthusiasm.''
:::- ''citado em "Lessons from the sandbox: using the 13 gifts of childhood to rediscover the keys to business success‎" - Página 57, Alan Gregerman - McGraw-Hill Professional, 2000, ISBN 0809224380, 9780809224388 - 224 páginas
 
 
[[Categoria:Pessoas]]
8

edições