Diferenças entre edições de "Carl Gustav Jung"

183 bytes adicionados ,  01h23min de 23 de setembro de 2016
sem resumo de edição
::- O Homem e seus Símbolos. Nova Fronteira, 2008.
 
* "(...)oO homem só se torna um ser integrado, tranquilo, fértil e feliz quando (e só então) o seu processo de individuação está realizado, quando consciente e inconsciente aprendem a conviver em paz e completando-se um ao outro."
 
* "(...)o homem só se torna um ser integrado, tranquilo, fértil e feliz quando (e só então) o seu processo de individuação está realizado, quando consciente e inconsciente aprendem a conviver em paz e completando-se um ao outro."
:-'' Fonte: O homem e seus símbolos, Carl G. Jung, Maria Lúcia Pinho, Nova Fronteira, 2012, p.11''
 
 
* "Por existirem inúmeras coisas fora do alcance da compreensão humana é que frequentemente utilizamos termos simbólicos como representação de conceitos que não podemos definir ou compreender integralmente."
 
:-'' Fonte: O homem e seus símbolos, Carl G. Jung, Maria Lúcia Pinho, Nova Fronteira, 2012, p.19''
* "Os sentidos do homem limitam a percepção que este tem do mundo a sua volta."
:-'' Fonte: O homem e seus símbolos, Carl G. Jung, Maria Lúcia Pinho, Nova Fronteira, 2012, p.21''
 
[[Categoria:Pessoas]]
[[Categoria:Psiquiatras da Suíça]]
6

edições