Diferenças entre edições de "Augusto Cury"

39 bytes adicionados ,  23h03min de 18 de setembro de 2016
m
sem resumo de edição
m
*"Todos têm uma [[criança]] alegre dentro de si, mas poucos a deixam viver".
::- ''[[Augusto Cury]] in: "Dez Leis Para Ser Feliz"; 3a lei: fazer coisas fora da agenda; Sextante, 2003''
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. '' "­— Quem disse que você é uma pessoa frágil ou um pobre deprimido que esgotou o prazer de viver? Ou um desprivilegiado... um frustrado? Ou um moribundo que não consegue carregar o peso das suas perdas? Para mim, você não é nada disso. Para mim, você é apenas um homem orgulhoso, preso na sua gaiola emocional, alienado de misérias maiores que a sua'' (CURY, 2008, p.23)."
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"­— Eu respeito a sua dor e não posso elaborar nenhuma tese sobre ela. Sua dor é única, e é a ´punica que você consegue realmente sentir. Ela te pertence e a mais ninguém'' (CURY, 2008, p.23)."
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"­— Alguém pode rasgar-lhe a pele sem que você permita, mas jamais poderá invadir sua mente se você não permitir. Não se permita ser invadido. Somos o que somos'' (CURY, 2008, p.91)."
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"­— Não só de '''shoppings''' viverão as crianças, mas de todas as aventuras da infância'' (CURY, 2008, p.135)."
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"O asilo era um celeiro de seres humanos experientes, com potenciais represados'' (CURY, 2008, p.141)."
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"[...] Não há pessoas imprestáveis, mas pessoas mal valorizadas, mal utilizadas, mal exploradas'' (CURY, 2008, p.142)."
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"[...] Não sei quem sou nem o que sou, pois o que pensava que era não é o que sou. Estou me desintoxicando do que era para ser o que sou. Não compreendo ainda quem sou, mas estou à procura de mim. Ta entendendo'' (CURY, 2008, p.167)?"
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"Suas palavras penetraram nos becos da minha personalidade, expondo minha falta de generosidade'' (CURY, 2008, p.170)."
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"— A maioria das pessoas está despreparada para assumir o poder. O poder faz despertar fantasmas que estão escondidos debaixo do manto da humildade: o fantasma do autoritarismo, do controle, da chantagem, da necessidade de aplausos [...] — O poder nas mãos de um sábio o torna um aprendiz, nas mãos de um estulto o torna um ditador'' (CURY, 2008, p.173)."
 
 
*'''CURY''', '''Augusto'''. O Vendedor De Sonhos: O Chamado. São Paulo: Academia de Inteligência, 2008. ''"—Depois que tive ciência de que havia traído meus alicerces, eu precisava encontrar os fundamentos da minha personalidade'' (CURY, 2008, p.283)."
 
==Veja também==
* [[Colecionador de Lágrimas]]
 
[[Categoria:Pessoas]]