Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 23h24min de 18 de fevereiro de 2016
* '''Poesia lírica'''
* "Eu amo tudo o que foi. Tudo o que já não é. A dor que já não me dói. A antiga e errônea fé. O ontem que a dor deixou. O que deixou alegria. Só porque foi, e voou. E hoje é já outro dia."
:- ''Poesias Inéditas - 'Página 31, Fernando Pessoa - Publicado por Ática, 1955 - 52 páginas''
 
* "A morte chega cedo, Pois breve é toda vida. O instante é o arremedo, De uma coisa perdida. O amor foi começado, O ideal não acabou, E quem tenha alcançado. Não sabe o que alcançou. E a tudo isto a morte, Risca por não estar certo, No caderno da sorte, Que Deus deixou aberto."
:- "Poesias Inéditas, Fernando Pessoa - Publicado por Ática, 1942 - 175 páginas
 
== Mensagem ==
11

edições