Diferenças entre edições de "Benito Mussolini"

2 086 bytes adicionados ,  12h56min de 12 de novembro de 2015
sem resumo de edição
* “Dada a crise geral do capitalismo, não há dúvida que, por toda a parte, se impõe soluções de tipo corporativo.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm1 discurso] de 14 de novembro de 1933.''
 
* “Não existe o fato econômico de interesse exclusivamente particular e individual. Desde o dia em que o homem se resignou ou se adaptou a viver com seus semelhantes, nenhum dos seus atos se inicia, se desenvolve, se conclui nele, sem que tenha repercussões que vão para lá da sua pessoa.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm2 discurso] de 12 de janeiro de 1934.''
 
* “A intervenção do Estado não é mais temida, é solicitada. O Estado deve intervir? Não há dúvida.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm2 discurso] de 12 de janeiro de 1934.''
 
* “Se a economia liberal é a economia dos indivíduos em estado de liberdade mais ou menos absoluta, a economia corporativa fascista é a economia dos indivíduos e também dos grupos associados e do Estado.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm2 discurso] de 12 de janeiro de 1934.''
 
* “Os princípios corporativos estabelecem a ordem na economia. Se há um fenômeno que deve ser ordenado e destinado a certos e determinados fins, este é, sem dúvida, o fenômeno econômico, que interessa todos os cidadãos.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm2 discurso] de 12 de janeiro de 1934.''
 
* “Não somente a economia industrial deve ser disciplinada, mas também a economia agrícola, a economia comercial, a bancária e o a do artesianismo.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm2 discurso] de 12 de janeiro de 1934.''
 
* “A massa anônima na sua qualidade de consumidora, não formando parte de organizações especiais, deve ser tutelada pelo órgão que representa a coletividade dos cidadãos.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm2 discurso] de 12 de janeiro de 1934.''
 
* “Não precipitamos os acontecimentos: estamos seguros de nós, porque, como a Revolução Fascista, temos ainda o século inteiro diante de nós.”
:- ''Em [http://www.ebooksbrasil.org/eLibris/corporativo.html#bm2 discurso] de 12 de janeiro de 1934.''
 
== Atribuídas ==
Utilizador anónimo