Abrir menu principal

Alterações

3 bytes adicionados ,  21h16min de 2 de janeiro de 2015
sem resumo de edição
 
* ” O Rio de Janeiro é o orgulho dos brasileiros. Na entrada da baía, ergue-se um bloco inacessível de granito, cuja base é lambida pelas ondas: o Pão de Açúcar. Sua forma estranha e familiar é popular no Brasil, e um dos traços mais universalmente amados da imagem da pátria”.
:''- [[Pierre Denis]], 1909. Citado em "A História do Rio de Janeiro." - Armelle Enders - Gryphus, 2002, ISBN 978-85-60610-09-9 - 395 páginas''
''
 
 
* "No [[Rio de Janeiro (cidade)|Rio]], a formação da identidade passa, também, pela eleição de um time de [[futebol]]. O [[poeta]], fiel à sua [[infância]], escolhe o '[[Botafogo Futebol Clube]]'. Não freqüenta os [[estádio]]s. Não lê o [[noticiário]]. Não ouve as transmissões pelo [[rádio]]. Mas, se perguntarem seu time, afirma: '[[Botafogo]]'. Não se trata de uma [[paixão]], mas de uma senha para a [[cidadania]]."
Utilizador anónimo