Diferenças entre edições de "Bertolt Brecht"

625 bytes removidos ,  02h58min de 3 de julho de 2014
sem resumo de edição
m (Bot: removing existed iw links in Wikidata)
*"Privatizaram sua [[vida]], seu [[trabalho]], sua hora de amar e seu direito de pensar. É da empresa privada o seu passo em frente, seu pão e seu salário. E agora não contente querem privatizar o [[conhecimento]], a [[sabedoria]], o [[pensamento]], que só à [[humanidade]] pertence."
::- ''no poema "Privatizado "
 
*"O pior analfabeto é o analfabeto político. Ele não ouve, não fala, nem participa dos acontecimentos políticos. Ele não sabe que o custo de vida, o preço do feijão, do peixe, da farinha, do aluguel, do sapato e do remédio dependem das decisões políticas. O analfabeto político é tão burro que se orgulha e estufa o peito dizendo que odeia a [[política]]. Não sabe o imbecil que da sua [[ignorância]] política nasce a prostituta, o menor abandonado, e o pior de todos os bandidos que é o político vigarista, pilantra, o corrupto e lacaio dos exploradores do povo."
::- ''poema "O Analfabeto Político"''
 
*"Há homens que lutam um dia, e são bons; há homens que lutam por um ano, e são melhores; há homens que lutam por vários anos, e são muito bons; há outros que lutam durante toda a [[vida]], esses são imprescindíveis."
Utilizador anónimo