Diferenças entre edições de "Utilizadora:Dianakc/home"

1 163 bytes adicionados ,  23h57min de 25 de dezembro de 2013
m
sem resumo de edição
m
m
{{Utilizadora:Dianakc/Predefinição:seção| texto = [[Wikiquote:Tema em destaque|Tema em destaque]] • [[Wikiquote Discussão:Tema em destaque|Sugerir]]}}
{{TemaDestaque|
|imagem = Berlin-wall.jpg
|imagem = Albershausen, Margret Hofheinz-Döring, Unikat.JPG
|largura = 1030px1080px
|tema = Amizade
|descrição = a descrição
|citações =
* "É a [[intolerância]] que nos desgoverna, ou venha ela do exagêro partidário, ou nasça da [[ambição]] de conservar ou adquirir o [[mundo]]. É dela que nascem os [[governo]]s prepotentes e as oposições facciosas; dois extremos que se confundem na obra comum de destruição das [[liberdade]]s [[política]]s."
{{Cita|A|B}}
::- ''[[Lauro Müller]]; Discursos acadêmicos, Volume 2‎ - Página 578, Academia Brasileira de Letras - 2006
{{Cita|A|B}}
 
{{Cita|A|B}}
* "Na ditadura, à sombra de Marco Aurélio, pululam e ficam impunes os Calígulas sangüinários, os Torquemadas da Inquisição e da intolerância, os enxudiosos Faruks da corrupção."
{{Cita|A|B}}
::- ''[[Ulysses Guimarães]] In: discurso proferido em 18 de junho de 1967
 
* "A intolerância pode ser aproximadamente definida como a indignação dos que não têm opinião."
::- ''Bigotry may be roughly defined as the anger of men who have no opinions.
:::- ''Heretics - página 296, [[Gilbert Keith Chesterton]] - John Lane, 1905 - 305 páginas
 
* "Da perspectiva coletivista, a intolerância e a brutal supressão da dissidência, o completo desrespeito pela vida e pela felicidade do indivíduo são consequências essenciais e inevitáveis dessa premissa básica."
::- ''[[Friedrich Hayek]] in: O Caminho da Servidão
}}
{{Utilizadora:Dianakc/Predefinição:seção| texto = [[:Categoria:Temas|Citações por tema]]}}
350

edições