Diferenças entre edições de "Aldous Huxley"

17 bytes removidos ,  14h41min de 28 de outubro de 2013
m
m (r2.7.3) (Robô: A adicionar: hr:Aldous Huxley)
* "Já não compramos laranjas, compramos vitalidade, já não compramos um automóvel, compramos prestígio. (...) Com um dentifrício, por exemplo, adquirimos, não um mero antisséptico ou um produto de higiene, mas sim a libertação do medo de sermos sexualmente repulsivos. Com o ''vodka'' ou o ''whisky'' não adquirimos um veneno protoplásmico que, em pequenas doses, pode afetar o sistema nervoso de maneira psicologicamente valiosa; estamos adquirindo amizade e boa camaradagem... (...) Com o ''best-seller'' do mês adquirimos cultura, a inveja dos vizinhos menos ilustrados e a admiração dos que são ''intelectuais''."
 
=== [[w:A Ilha (livro)|A Ilha]], 1962 ===
 
* "Penso na incompreensível seqüência de mudanças que fazem uma [[vida]]. Penso que o destino dos seres humanos, ininterpretável e mesmo assim cheio de significação divina, é composto pela fusão de [[beleza]]s, [[horror]]es e [[absurdo]]s."