Diferenças entre edições de "Modéstia"

252 bytes adicionados ,  13h07min de 31 de agosto de 2011
m
+ fontes - sem fontes
m (+ fonte)
m (+ fontes - sem fontes)
A [[w:modéstia|'''modéstia''']] ''abrange um jogo de cultura ou valores religiosos determinados que relacionam-se uns aos outros. Pode incluir: A moderação em uma ações ou aparência, não desejando atrair atenção imprópria para si; Subestimando uma realização (veja [[humildade]]); falsa modéstia, uma forma de vangloriar-se auto-humilhando-se falsamente; Modéstia sobre sexualidade e a exposição do corpo humano, especialmente tabus contra nudez em muitas culturas. ''
----
 
 
* "Há algo maior do que o [[orgulho]], e mais nobre do que a [[vaidade]], a [[modéstia]]; e algo mais raro que a [[modéstia]] é a [[simplicidade]]".
::- ''Il y a quelque chose de plus haut que l'orgueil, et de plus noble que la vanité, c'est la modestie ; et quelque chose de plus rare que la modestie, c'est la simplicité.
:::- ''"Discours préliminaire du Nouveau dictionnaire de la langue française: première partie : de l'homme, de ses facultés intellectuelles et de ses idées premières et fondamentales ; suivi de De l'universalité de la langue française : sujet proposé par l'Académie de Berlin en 1785"‎ - [http://books.google.com.br/books?id=AyAVAAAAQAAJ&pg=PA171 Página 171], [[Antoine de Rivarol]] - chez Cocheris, 1797 - 240 páginas
 
* "O homem modesto tem tudo a ganhar e o [[orgulho|orgulhoso]] tudo a perder: é que a [[modéstia]] tem sempre a ver com a [[generosidade]] e o [[orgulho]] com a [[inveja]]".
::- ''L'homme modeste a tout à gagner, et l'orgueilleux a tout à perdre: car la modestie a toujours affaire à la générosité, et l'orgueil à l'envie.
:::- ''Esprit de Rivarol - [http://books.google.com.br/books?id=i6gWAAAAQAAJ&pg=PA63 Página 63], [[Antoine de Rivarol]] - Impr. H. Perronneau, 1808 - 258 páginas
 
* "A [[modéstia]] é a [[humildade]] de um [[hipocrisia|hipócrita]] que pede perdão por seus méritos aos que não têm nenhum."
::- ''[[Arthur Schopenhauer]] in: O Mundo como Vontade e Como Representação''
 
*"A [[modéstia]] não passa de uma espécie de [[pudor]] do [[orgulho]]"
:::- ''"De la grandeur" - Volume 13, Página 113, de [[Marcel Jouhandeau]] - B. Grasset, 1952, 4a. ed. - 150 páginas
 
*"É o [[orgulho]] que leva a dizer não, e a [[fraqueza]] sim. A [[modéstia]] pode dizer ambas as coisas sem [[paixão]]".
* "A modestía é o caminho mais curto até a escuridão. Mas com fama, temos o luxo de ser modestos."
::- ''C'est l'orgueil qui fait dire non, et la faiblesse oui. La modestie peut également dire les deux sans passion''
:- ''[[w:Leonid S. Sukhorukov|Leonid S. Sukhorukov]]''
:::- ''En vrac, notes: notes‎, de [[Pierre Reverdy]] - Publicado por Éditions du Rocher, 1956 - 243 páginas''
 
* "ÉO homem modesto tem tudo a ganhar e o [[orgulho|orgulhoso]] que levatudo a dizerperder: não,é eque a [[fraquezamodéstia]] sim.tem Asempre a ver com a [[modéstiagenerosidade]] podee dizero ambas[[orgulho]] ascom coisas sema [[paixãoinveja]]".
::- ''L'homme modeste a tout à gagner, et l'orgueilleux a tout à perdre: car la modestie a toujours affaire à la générosité, et l'orgueil à l'envie.
:- ''[[Pierre Reverdy]]''
:::- ''Esprit de Rivarol - [http://books.google.com.br/books?id=i6gWAAAAQAAJ&pg=PA63 Página 63], [[Antoine de Rivarol]] - Impr. H. Perronneau, 1808 - 258 páginas
 
* "O que deve caracterizar a [[juventude]] é a [[modéstia]], o [[pudor]], o [[amor]], a [[moderação]], a [[dedicação]], a [[diligência]], a [[justiça]], a [[educação]]. São estas as [[virtude]]s que devem formar o seu [[carácter]]".
::- ''[[Sócrates]], citado em "Código social, ó sea, Eco de la moral de las naciones antiguas y modernas" - [http://books.google.com.br/books?id=X8y3r9CeshsC&pg=PA15 Página 15], Impr. Catalana, 1844 - 135 páginas''
 
* "Reconhece-se a qualidade dos [[Espírito]]s pela sua linguagem; a dos Espíritos verdadeiramente bons e superiores é sempre digna, nobre, lógica, isenta de contradições; respira a [[sabedoria]], a [[benevolência]], a [[modéstia]] e a [[moral]] mais pura; é concisa e sem [[palavras]] inúteis".
::- ''[[Allan Kardec]] citado em "Doutrina Espirita para Principiantes" - Página 136, Luis Raynaud Hu Rivas - EDICEI of America, 2009, ISBN 8598161993, 9788598161990 160 páginas''
:- ''[[Allan Kardec]]''
 
{{w}}