Lya Luft: diferenças entre revisões

3 bytes adicionados ,  8 de setembro de 2010
sem resumo de edição
mSem resumo de edição
Sem resumo de edição
[[w:Lya Luft|'''Lya Luft''']], ''([[15 de setembro]] de [[1938]] - ), escritora brasileira''.
----
* "E se eu tivesse perguntado? E se ele tivesse me dito? Se eu tivesse merecido saber? Isso me atormentou por longo tempo. Eu me sentia muito culpada. Hoje, acredito que não saber é o que torna a vida possível".
::- Em O Silêncio dos Amantes.
 
* "Viver, como talvez [[morte|morrer]], é recriar-se: a [[vida]] não está aí apenas para ser suportada nem vivida, mas elaborada".
::- ''"Pensar é transgredir", Página 23; de Lya Fett Luft; Publicado por Editora Record, 2004; ISBN 8501069698, 9788501069696; 185 páginas''
 
* "Escrevo sobre [[isolamento]] e [[ternura]], a perturbadora ambivalência nossa, [[frivolidade]] e [[covardia]], às vezes a graça e o riso".
::- ''"Pensar é transgredir", Página 11; de Lya Fett Luft; Publicado por Editora Record, 2004; ISBN 8501069698, 9788501069696; 185 páginas''
 
50

edições