Diferenças entre edições de "Raça"

1 527 bytes adicionados ,  00h14min de 20 de julho de 2010
m
sem resumo de edição
m (+ fontes - sem fontes)
m
:- ''[[Roberto Campos]]; "Na virada do milênio", ‎Página 118, de Roberto de Oliveira Campos - Publicado por Topbooks, 1999 - 486 páginas''
 
* "É [[destino]] de toda [[verdade]] ser objeto de ridículo quando exposta pela primeira vez. Era considerado idiotice se supor que [[homens]] negros eram realmente seres humanos e tinham que ser tratados com tal. O que uma vez foi considerado estupidez foi reconhecido como [[verdade]]. [[Hoje]] em [[dia]] é considerado exagero se proclamar constantemente o respeito por cada forma de vida, como sendo uma séria exigência de uma [[ética]] racional. Mas virá o dia em que as pessoas ficarão espantadas com o fato de que a [[raça]] [[humana]] existiu por tanto tempo antes de reconhecer que lesar uma vida irrefletidamente é incompatível com a verdadeira ética. Ética é, sem ressalvas, responsabilidade por tudo o que tem [[vida]]."
 
::- ''It is the fate of every truth to be an object of ridicule when it is first acclaimed. It was once considered foolish to suppose that black men were really human beings and ought to be treated as such. What was once foolish has now become a recognized truth. Today it is considered as exaggeration to proclaim constant respect for every form of life as being the serious demand of a rational ethic. But the time is coming when people will be amazed that the human race existed so long before it recognized that thoughtless injury to life is incompatible with real ethics. Ethics is in its unqualified form extended responsibility to everything that has life.
:::- ''Civilization and ethics - página 255, [[Albert Schweitzer]] - A. & C. Black, ltd., 1923 - 298 páginas