Diferenças entre edições de "Afonso Henriques de Lima Barreto"

798 bytes adicionados ,  01h35min de 16 de julho de 2010
m
* "Não se sabia onde nascera, mas não fora decerto em [[São Paulo]], nem no Rio Grande do Sul, nem no Pará. Errava quem quisesse encontrar nele algum regionalismo; Quaresma era antes de tudo brasileiro."
 
* "Iria [[morte|morrer]], quem sabe se naquela noite mesmo? E que tinha feito de sua vida? Nada. Levara toda ela atrás da miragem de estudar a Pátria, por amá-la e querê-la muito, no intuito de contribuir para sua [[felicidade]] e prosperidade. Gastara a sua mocidade nisso, a sua virilidade também; e agora que estava na [[velhice]], como ela o recompensava? Matava-o. E o que não deixara de ver, de gozar, de fruir, na sua vida? Tudo. Não brincara, não pandegara, não amara - todo esse lado da existência que parece fugir um pouco à sua [[tristeza]] necessária, ele não vira, ele não provara, ele não experimentara."
 
* "Policarpo era patriota. Desde moço, aí pelos vinte anos(...)"
 
* "E desse modo ele ia levando a vida, metade na repartição, sem ser compreendido, a outra metade em casa, também sem ser compreendido."
 
* "Dessa maneira, Ricardo Coração dos Outros ia gozando da estima geral da alta sociedade suburbana. É uma alta sociedade muito especial, e que só é alta nos subúrios."
 
* "É uma mania de seu amigo, senhor Ricardo, esta de só querer cousas nacionais, e a gente tem que ingerir cada droga, chi!"
 
* "A todo instante e a toda hora vinha aquele — 'porque, quando você se casar...' — a menina foi se convencedo de que toda a existência só tendia para o casamento. A instrução, as satisfações íntimas, a alegria, tudo isso era inútil; a vida se resumia numa coisa: casar."
 
===Morte de M.J. Gonzaga de Sá===
Utilizador anónimo